sábado, 16 de julho de 2016

Quanto Ganham Os Youtubers Brasileiros? – Top 20 YouTube Brasil


Por que Dick Vigarista nunca ganha a Corrida Maluca? A resposta é óbvia, não é mesmo? Se não for assim tão óbvio para você, sugiro que leia até o final que duvido não concordar comigo. Mas se você já concorda, leia até o final para entender o que isso tem a ver com o negócio por trás dos brasileiros que produzem conteúdo para o YouTube e o dinheiro que entra em suas contas bancárias.


Trabalho de Verdade
Após o artigo anterior sobre o YouTuber sueco que faz mais 7 milhões de dólares, no qual também apresento os ganhos de outros gringos, muitas pessoas ficaram ainda mais curiosas sobre quanto ganham os nossos conterrâneos com esse trabalho.

O mais interessante é que a maioria quer saber quanto exatamente se ganha por mês na plataforma. É aí que vemos como o povo brasileiro é cheio de preconceitos. Mas, por favor, não me entenda mal. Antes de me queimar em praça pública, é preciso refletir sobre o nosso modelo mental acerca de como se faz dinheiro com a internet. Note que eu digo “fazer” dinheiro, e não “ganhar” simplesmente. Afinal, a distinção entre essas duas palavras é crucial para entender de onde vem a receita tanto de YouTubers quanto de blogueiros e afins.
A ignorância de muitos com relação a como esse mercado funciona é razão pela qual, no Brasil, seja tão difícil para um profissional dessa área provar que esse é um trabalho como qualquer outro. Um trabalho. O que exige planejamento, produção, pós produção e constante atualização. O que faz com que muitas vezes você tenha que trabalhar até mais horas por dia do que num emprego com carteira assinada, no qual você tem um salário e horários fixos, além de receber por cada hora extra. E uma coisa que, apesar de parecer estranha para muitas pessoas, tem se mostrado cada vez mais presente no mercado digital: não há salário fixo.
Isso mesmo. Quem trabalha produzindo vídeos para o YouTube de forma independente, ou mesmo dentro de uma network (rede agregadora de produtores) não tem como adivinhar quanto vai receber por mês da plataforma. Tem que ser empreendedor. Fora produtos, parcerias, contratos, patrocínios e afiliações, a forma mais usual de se receber dinheiro é com Google Adsense.